Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]


Lady Bird e a metáfora perfeita

por Fátima Bento, em 12.01.18

Já mencionei que vi o filme Lady Bird. E foi uma sorte (#sóquenemporisso) porque o filme só esteve em exibição no Almada Fórum uma semana.

 

Vou repetir: esteve em exibição UMA SEMANA.

 

Isto é quase inédito: filmes que estão a gerar baixa bilheteira mudam de horário, ficando às vezes com uma única sessão, ali entre as 18h e as 19h... mas não, o filme esteve lá uma semana, com as sessões todas e puff, desapareceu.

 

A trama gira em torno relação mãe filha (o pai tem lugar, mas é um papel quase tipo figura de corpo presente), segue os últimos tempos da adolescente antes de entrar na universidade, a cumplicidade e os choques naturais entre as duas mulheres, as divergências de opinião, o desejo da rapariga voar para longe e a vontade da mãe a manter perto do ninho. Aqui entra o pai e dá um empurrãozinho à coisa, sob forma de apoio a uma das duas (não, não vou fazer spoil, embora esteja convicta que não interessaria nada).

 

Ora eu para classificar este filme lembrei-me de uma ocorrência bastante embaraçosa, há coisa de uma ano atrás, numa (olha lá!) H&M. A loja em questão é grande, e eu andava a passear-me entre os cabides e afins. Ora eu sofro de síndroma do cólon irritável, e estava com uma valente crise de meteorismo que estava a tentar manter aconchegada dentro da imensa bola de basket que para todos os efeitos teria engolido, tal o volume do meu abdómen. 

 

Ora as roupas têm fibras. As fibras às vezes andam no ar e introduzem-se nos orifícios mais desprevenidos. E eu também tenho uma rinite. E houveram para ali fibras que se me enfiaram no nariz. E que fizeram comichão. 

Não duvido que terei coçado o nariz e pensado happy thoughts: unicórnios cor-de rosa, nuvens de algodão doce mas... não consegui evitar.

 

Espirrei.

 

E eis que a bola de basket gritou: 

 

Vamos a jogo!

 

e numa perfeita sincronia, o meu atchim foi acompanhado dum BRRRUMMMM que o abafafou por completo. 

 

Meus amores e minhas amoras: a loja tinha uma boa dezena de pessoas.

- parecia que tinham carregado no botão de pausa. 

 

Ato continuo, apanhei qualquer coisa que me tinha caído ao chão (#fazdeconta), e quando me levantei, fiquei semi agachada e segui entre os burros/charriots com os joelhos fletidos por forma a sair do lugar onde a eventual concentração odorífica estaria agrupada, sem que a minha cabeça se visse por cima do varão de onde pendiam os cabides. 

Imaginem a cena: lá vai ela... e atrás dela as moscas de cartaz nas mãos a dizer em letras gordas:

 

FOI ELA!

 

Chegada ao final da parede, endireitei-me muito direitinha, ergui o queixo e dirigi-me às escadas rolantes com cara de quéquefoi? Hãn?

 

Portanto foi com esta ideia que fiquei do filme: foi um valente peido. Com a vantagem de não deixar cheiro... o problema é que não atraiu nem as moscas...

 

F290-large.png

 

Decerto muita gente vai discordar - et vive la difference!!!!. Mas este eu não voltaria a ver nem com um cheque chorudo - e visado - na mão...

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


26 observações

Imagem de perfil

De Triptofano! a 13.01.2018 às 07:12



Eu só de imaginar a cena estou-me a rir que nem um perdido mulher!
Olha haver alguém ao pé de ti no momento em que mandas a bomba nuclear? Ficava gaseado e muito dificilmente iria conseguir-se voltar a levantar-se na próxima meia hora!


Beijinhos gigantes
Imagem de perfil

De Fátima Bento a 13.01.2018 às 10:44

Por acaso isso nunca aconteceu. Como nunca tinha acontecido ter som...


Difícil foi fazer cara de não é nada comigo, com o enxame de moscas atrás de cartaz em punho...
Imagem de perfil

De Triptofano! a 15.01.2018 às 08:37



Aiii espectacular
Imagem de perfil

De Fátima Bento a 15.01.2018 às 11:13

 
Imagem de perfil

De Happy a 13.01.2018 às 09:49



Mas andaste pr'aí a gazear meia cidade??
Ai nem imagino a cena, que horror. Eu não teria passado incólume porque em situações aflitivas fico super vermelha 
Mas lembrei-me logo de estar na Índia numa loja e comecei a ouvir puns. Seguidos. Voltei-me devagarinho e no mesmo corredor que eu estava um velhote, na maior, a ver as estantes dos produtos naturais (pudera) pro cabelo e ia soltando os respectivos. Sem se importar minimamente. Vim embora da Índia sem saber se por lá seria natural...
Imagem de perfil

De Fátima Bento a 13.01.2018 às 10:50

Foi só pouco mais de uma dezena de pessoas...


A partir de uma certa idade torna-se difícil segurar os ditos. A minha avó quando morava connosco pelo hall fora (que tem uns seis metros) da sala até à casa de banho e cada passinho que dava soltava um; era uma destas bandas sonoras que nem te conto.! E para disfarçar resmungava, ia falando sozinha para ver se a gente não os ouvia. O que nos riamos... portanto, é genético 
Imagem de perfil

De Bruxa Mimi a 14.01.2018 às 22:12

O que eu me ri também com o que escreveste!
Imagem de perfil

De Happy a 13.01.2018 às 09:51

E com tanto cheiro, esqueci-me do fundamental: a sério, não gostaste do filme? Eu não vi, mas vi o trailer e ouvi falar dele e pareceu interessante... 
Na verdade no Colbert vi uma entrevista da realizadora e ela pareceu-me uma pessoa tão básica, mas...
Imagem de perfil

De Fátima Bento a 13.01.2018 às 10:51

Então o filme é fiel à realizadora. Básico mais básico, não há...
Imagem de perfil

De Paula Rocha a 13.01.2018 às 10:09

Flatulências é o meu nome do meio e antigamente continha-me mas agora não, tento afastar-me das pessoas e ..... depois continuo a fazer as minhas coisinhas, no meio de tanta gente ninguém vai pensar que fui eu certo?
Se pensarem, paciência eu tenho que me libertar.
Imagem de perfil

De Fátima Bento a 13.01.2018 às 10:54

O problema é quando troveja... mas uma pessoa não pode estar sempre a segurar-se!


É uma história daquelas que me acontecem de quando em vez... ontem até chorei a rir a escrevê-la!
Imagem de perfil

De Carlos a 13.01.2018 às 10:27

Andas a ficar com uma veia cómica assim igual ao nosso amigo Trip?! O que eu me ri...
A vida coloca-nos em situações completamente descabidas, irritantes, humilhantes, mas até te safaste muito bem!
Beijinho grande e bom fim de semana.
Imagem de perfil

De Fátima Bento a 13.01.2018 às 10:56

Ninguém tem a veia do Trip! 
Mas eu tenho meia dúzia de histórias engraçadas de que me vou lembrando...


Um bom fim de semana para ti!
Imagem de perfil

De P. P. a 13.01.2018 às 22:41

Impossível não rir, mas a situação é muito incómoda. Toda ela: o antes e o depois! 
Imagem de perfil

De Fátima Bento a 13.01.2018 às 23:47

Ah, ri-te à vontade que eu até chorei a escrevê-lo 


O que acaba por passar ao lado é o mau que o filme é.
Mesmo.
Imagem de perfil

De Isa a 14.01.2018 às 03:05

Epá, espirros com banda sonora a acompanhar é do mais embaraçoso que há. Sempre que estou com pessoas à volta e sei que vou espirrar, faço os possíveis para tentar controlar a "situação". Já me aconteceu, não tive foi tanta audiência 😂
Imagem de perfil

De Fátima Bento a 14.01.2018 às 10:00

Eu acho que é mais ou menos frequente. Ninguém fala nisso,porque não quer passar duas vezes pelo embaraço...
É um tabu, pequenino, mas comum...
Imagem de perfil

De Isa a 14.01.2018 às 10:21

Isso agora.. pessoas que se peidam é um mito muhahahah
Imagem de perfil

De Fátima Bento a 14.01.2018 às 10:38

  "olhe que não, senhor doutor,olhe que não...
Imagem de perfil

De Bruxa Mimi a 14.01.2018 às 22:10

O que eu me ri com o teu episódio! Muito bom!
Imagem de perfil

De Fátima Bento a 14.01.2018 às 22:20

Sempre é uma critica cinematográfica original... 
Imagem de perfil

De Bruxa Mimi a 15.01.2018 às 12:15

Sem dúvida!
Imagem de perfil

De A Hipster Chique a 15.01.2018 às 23:23

Hahahahah ai ri tanto! Que episódio fantástico 😂 
Imagem de perfil

De Fátima Bento a 15.01.2018 às 23:56

Tenho algumas histórias que até custa a crer... 
Sem imagem de perfil

De Prontx, 'tá bem... a 17.01.2018 às 16:46

A melhor critica cinematográfica que alguma vez li.
Ainda não consegui parar de me rir, borrifei o chá na secretária e acho que estou sujeita a despedimento com justa causa.
Beijinhos
Inês
Imagem de perfil

De Fátima Bento a 17.01.2018 às 18:12

Acertei em cheio, a intenção era fazer rir. Obrigada, obrigada!


Mas o filme e mesmo insosso!

Opiniões, ta-taus, miminhos... AQUI!



Mais sobre mim

foto do autor




Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Instagramem-me:





bloglovin1.jpg

 


Sigam-me aqui: