Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

... e 'mái nada!

... e 'mái nada!

Comentários são abraços

que até dispensam distanciamento social

pexels-photo-220066.jpeg

 

Penso que seja sabido, no entanto afirmo - ou reafirmo - que adoro receber comentários. Quando recebo a notificação e os leio, quando venho até aqui para responder, sinto aquele quentinho bom... não tenho problemas em assumir que sou uma palerma dos afetos, dou-lhes uma importância imensa, chego a achar que projetos como este não fazem sentido sem este entra e sai de pessoas que tem coisas para dizer ou um abraço ou beijo para deixar. 

 

Não faço qualquer distinção entre os comentários que me deixam, todos e cada um me alegram a alma! Mas tenho de vos contar que na quarta feira, um dos muitos que deixaram ao conto da semana, me emocionou.

 

Captura de ecrã 2021-03-26 154011.png

 

E explico porquê: não foi só porque a Maria quis voltar, e voltou mais tarde (o que foi tão bom), nem foi pelo agradecimento, estando implícito de que gostou do texto (e isso deixa-me tão feliz)... foi por ter dito não sei o que escrever e ainda assim o ter escrito e deixado ali

 

Quantas vezes já lemos um post, pensámos a mesma coisa e saímos do blogue sem dizer nada? Foi fantástico ler o comentário da Maria porque teria sido tão fácil não escrever, e ainda assim, deixou o abraço da vontade e um beijinho na despedida.

 

Quando voltei a pegar no blogue, este ano, sinceramente não sabia ao que vinha. Sem saber muito bem como, gerou-se esta interação maravilhosa entre pessoas que têm uma paixão comum - a escrita - e de certa forma passámos todos a fazer um bocadinho parte das vidas uns uns dos outros. Isso, meus queridos, é uma experiência mais que gratificante. Mais de que a notoriedade que muita gente procura atingir através do blogue, isto que se criou é o que sempre procurei e não sabia.

 

A essência deste blogue tornou-se claramente a interação entre mim e os que por aqui passam. E tenho noção de que, no dia em que todos se cansarem de cá vir, de comentar - comigo e uns com os outros (é tão bom quando isso acontece!) - me vou sentir perdida, vou ter de repensar tudo, até o espaço que ocupo na blogosfera, e reinventar-me. Mas se, ou quando, isso acontecer, vai ter valido tanto a pena esta viagem fantástica e toda a companhia que me têm feito!

 

E porque, sem todos os que aqui passam, esta felicidade feita de abraços, beijos, carinho e palavras não existiria, quero - mas quero mesmo, está bem? - agradecer a todos os que têm deixado abraços na caixa de comentários. Tendo por base os comentários da última semana, quero de agradecer e abraçar a Cristina, a Ana,MissLollipop, a Maria A., a Gaivotazul, a Rute, a Célia, Isabel, a Luísa, a Ana Mestre, a Choc,a Anita, a Charneca Em Flor, a Bii Yue, a Peixe Frito, a Concha, Marquesa, o José da Xã, a Maria,Margarida, o Último, a Olga, a Tri, a Aqui Há Coração, tal como o João-Afonso Machado, a Marta e a  Rita Pinto, não esquecendo anónimos e quem comentou sem link.

 

Obrigada a todos por pintarem este lado da minha vida com todas as cores e matizes. E se não consigo ir a todos os vossos blogues espalhar abraços, levem já um daqui, com a promessa de que pela minha parte vou tentar organizar-me para conseguir fazê-lo mais amiúde.

 

27 comentários

Comentar post

Pág. 1/2