Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

... e 'mái nada!

... e 'mái nada!

E na quinta feira, boas noticias!

E o calor ontem, hem? Canudo que saí de casa e ia-me dando mesmo uma coisinha má!

 

(esta foi a altura em que desenrosquei a tampa da garrafa e bebi um gole de agua. E olhei para os pés. Ou para as mãos pousadas no colo, para imediatamente concentrar a atenção no meu interlocutor)

 

Foi assim que começou a minha sessão de ontem. Vai que na véspera o meu filho esteve doente e fez quatro anos da morte do meu pai. E eu cheguei a pensar que tinha de levar o infante ao hospital onde o meu pai foi amputado e teve um ataque cardíaco. E pois que não queria, e que me sentia tão sozinha. Felizmente o rebento arribou e à hora, lá foi trabalhar. Entretanto empurrei a estranheza (foi preciso a sessão para perceber que estava triste, e assustada ) com dois portos, daqueles caseiros que trouxe das férias. E para jantar veio uma entrega da telepizza.

 

Portanto, como podem calcular, o detox vai de vento em popa (então não???) mas em contrapartida o meu terapeuta fiz que estou a "chegar lá".

 

Gorda, mas a chegar "lá".

 

f7fb00dcd95e8c10859537555a804fdc.jpg

 (agora são duas semanas de férias do terapeuta... quatro sessões  )

7 comentários

Comentar post