Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Porque Eu Posso

... e 'mái nada!

Porque Eu Posso

... e 'mái nada!

21
Fev19

Felicidade efémera?

Fátima Bento

smile.jpeg

 

Hoje houve um acidente com algum aparato junto à rotunda do Fogueteiro, pelo que a fila começava na outra rotunda, a de acesso ao Rio Sul Shopping. Quem conhece o lugar pode calcular o inferno. Esta alma como, quando soube pelo rádio que havia acidente ali, já não resultava tentar usar outro caminho - dado que houvera que o fizesse, e toda a zona estava entupidíssima - e pronto, como precisava de ir ao posto de combustível, lá segui a Via Sacra. Demorou um pouco, mas correu tudo bem.

 

Quando eu estava a passar à frente entrada do parque subterrâneo, vi uma mãe com o seu filho - a senhora assim p'á minha idade e o filho igualmente para a idade do meu. Estavam vestidos de forma muitíssimo modesta (algo andrajosa, ou quase) e vinham carregados: dois eco bags a transbordar, um saco da Worten, e uma caixa de aparelhagem, que o filho carregava como se fosse um tesouro. O sorriso de ambos era contagiante, magico. Os olhos do rapaz brilhavam como dois diamantes.

 

Como ia em fila semi parada, acompanhei a caminhada dos dois durante algum tempo. E dei voltas à cabeça.

 

Achei belíssima a felicidade tangente. Eu ofereceria a HiFi ao moço para ver aquela felicidade, aquele brilho, assim pudera eu. Pensei no tempo que teria(m) sonhado com o dia que iria(m) finalmente àquele templo do consumismo, e finalmente, oh happy day! adquirir o que transportavam. E desejei-lhes, do fundo, toda a felicidade do mundo.

 

Sei, como acho que sabemos todos, que esta felicidade é transitória, fogo fátuo, as discussões e mal estar em casa regressará no espaço de poucos dias. E não tarda começa o frenesim de desejar mais uns quantos itens que tanto-mas-tanto jeito davam.

 

Ou seja fiquei numa ambiguidade moral terrível. Porque fiquei feliz por ver a sua alegria, a sua felicidade. Mas ao mesmo tempo, o outro lado da moeda deixou-me triste.

 

Mas uma coisa garanto: o brilho daqueles olhos e o sorriso daquela mulher não me vão sair da memória tão cedo.

 

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

...porque outubro é quando quisermos...

mini.JPG

 

Pesquisar

A ler agora

O passado.png

 

Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D

Sigam-me aqui:

Bloglovin.JPG

 

Instagramem-me:

Aqui e agora