Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

... e 'mái nada!

... e 'mái nada!

Fui ver 'IT'

Como às vezes tenho a mania das corridas, fui ver o IT no dia em que estreou. 

Pois que diziam que era o filme (de terror) mais esperado do ano...

 

Ahn-ahn... 

 

Bom, para encurtar a história, foi a primeira vez que quando as luzes se acenderam no intervalo, saí e fui à cafeteria... beber um café. Até pus uma foto no Instagram nesse mesmo dia:

 

it.JPG

 

É que mal conseguia ter os olhos abertos! 

OK, dou de barato que não fiz o mesmo aquando do The Black Tower muito provávelmente porque estava acompanhada, e duas ou três palavras espevitam as orelhas. Mas naquele dia nem bateria no telemóvel tinha!

 

A segunda parte animou um bocadinho... mas é pá, eu até estou disposta a admitir que

não são os blockbusters, sou eu.

Com os livros está a passar-se uma situação similar: ando sem paciência para ler/ver, um amachuca-e-deita fora. Ou vale a pena ou quero o meu tempo de volta; não, não quero o dinheiro de volta:

 

- é mesmo o tempo.

 

A industria de Hollywood parece-me estar a esbracejar para não afundar - já o Colbert na abertura dos Emmys disse que ali naquela sala estavam mais pessoas que as que tinham ido ao cinema este ano (nos EUA) - e para salvar a industria em causa, os Estúdios atiram-se a fórmulas datadas - senhores, inspirem-se nas que estão a ser usadas para TV, se tal for necessário! 

 

Estreia uma coisa como o filme assente na obra de Stephen King que em 1990 deu insónias a muito boa gente, e fez outros tantos nunca mais olhar para um palhaço como até então e...

 

... e, é pá, o que eu vi foi assim uma espécie de versão muito light da obra do King a meias com uma piscadela de olho aos fãs de Stanger Things inclusive com um dos papeis principais a ser desempenhado por Finn Wolfhard... e acaba com o slide Capitulo 1, o que quer dizer que o segundo capitulo eventualmente agarrará a trama no momento em que a série de 90 o fez. Com os meninos já crescidos, a acabar de vez com o palhaço demoniaco.

 

Não tenho pachorra. Vou ver um filme, não vou ver uma manta de retalhos de coisas que poderão agarrar público de X, mais o de Y, quiça de o público de Z.

 

Ó pá, assim não dá.

 

(e apontuação no IMDB diz que eu estou errada e colocar o palhaço Pennywise a braços com um elenco infato-juvenil é uma GRANDE ideia... temos pena)

 

7 comentários

Comentar post