Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Porque Eu Posso

... e 'mái nada!

Porque Eu Posso

... e 'mái nada!

14
Set17

Galp-a-que-te-pariu!

Fátima Bento

Galp-Energia.jpg

 

Ontem recebi uma chamada da Galp. Eram 17 horas, coisa que o valha, disse-lhe que o meu gás era EDPqualquercoisa, ele insistiu e como eu não trato dessas coisas, é o marido, informei o funcionário da empresa que ligasse mais tarde, a uma hora que o homem estivesse de certeza em casa. À noite.

 

Coincidência ou não, o telefone acabou em vibração e não estando em contacto com nenhuma parte da minha anatomia, não dei por ele tocar as duas vezes que tocou.

 

Hoje fui ao Almada Fórum, tratar de uns assuntos (e, claro, ao cinema). Quando lá cheguei vi que tinha apenas 18% de bateria, por isso desliguei o telemóvel. Quando desci ao estacionamento para voltar, precisamente três horas e meia depois, liguei-o, para verificar se havia alguma mensagem urgente.

 

Mensagens de voz, 32 ligue 133

 

 

Pânico

 

Completamente. Purinho.

 

Querem ver que aconteceu alguma desgraça e ninguém conseguiu falar comigo?

 

Liguei para a caixa de mensagens de voz. Primeira: Galp, e não falaram. Segunda, Galp, e tirando os colegas de fundo, népia. Terceira, quarta, quinta. Desliguei e resolvi poupar os 15% de bateria para algum SOS, e apaguei o telefone, a deitar fumo pelas orelhas (e acagaçada com as que não ouvi). E fiz-me ao caminho de volta.

 

Cheguei a casa e com o aparelho já a carregar, volto a ligar para o correio de voz. Além da meia dúzia de mensagens, tinha 22 chamadas não atendidas do mesmo número - GALP. As restantes eram particulares e antigas.

 

Ou seja, aqueles CAMELOS (ó como eu sou educadinha!) ligaram-me 28 vezes em três horas e meia!

 

VINTE E OITO VEZES. Uma chamada a cada 6,428 minutos!

 

Isto é, no mínimo imoral É que tem de ser!

 

A próxima chamada, eu juro que atendo. Não sei quem vai ser a desgraçada criatura que vai atender a chamada, mas vai ouvir. Ó se vai - mas primeiro pergunto se está a gravar e faço a ressalva, isto não é nada consigo em particular...

 

Isto vai contra qualquer bom senso! Mas alguém sujeito a tamanha metralhada vai comprar alguma coisa/serviço????

 

O que vale é que, no meio da minha ansiedade eu reajo bem quando tenho de conduzir. Guardei o coração no bolso e vim para casa.

 

Ainda me custa a acreditar, juro!

 

Palavra de honra...

 

22 comentários

Comentar post

Sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

...porque outubro é quando quisermos...

mini.JPG

 

Pesquisar

A ler agora

livro yalom.png

Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D

Sigam-me aqui:

Bloglovin.JPG

 

Instagramem-me:

Aqui e agora