Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Porque Eu Posso

... e 'mái nada!

Porque Eu Posso

... e 'mái nada!

12
Jun18

Já vos contei a história do gato azul que não sabia miar?

Fátima Bento

az banner.PNG

 

Pois não contei vou contar, se já falei nele, leiam na mesma, porque tem novidades...

 

Aqui atrás, no quintal, eram duas ninhadas de três gatos cada, da mesma mãe, e que se davam como anjos no céu... depois vieram as ninhadas de Primavera e foi o descalabro que já contei. De seis passaram a cinco, porque ostracizaram a Princesa e ela acabou por nunca mais tentar vir para aqui - no quintal onde está há quem lhe dê de comer, mas tenho tanta pena...

 

Entretanto começou a aparecer um gato azul - vocês sabem da pancada que tenho por gatos azuis não sabem? Se não sabem têm andado distraídos... - que quando eu aparecia por baixo da janela para lhe dar de comer abria a boca e eu ficava a pensar o que é que vai sair dali? é que o bichano não sabia miar, e podia perfeitamente sair-lhe um FFFUUU, ao mesmo tempo que os olhos era doces como o mel - e curiosos. Passou a ficar por aqui, juntando-se aos outros, começou a perceber a diferença. e deixou de se enganar, passando a fazer o mesmo: miau. 

 

Foi passando cada vez mais tempo aqui, e no sábado acordámos para quatro pequenos gatos no quintal aqui por baixo, com entre seis semanas e dois meses de vida. Foi a loucura: de quem são? Porque aqueles ainda não tihamos visto... pois que são d'A azul, que afinal é uma ela. 

 

Ou seja: veio nas calmas, apalpou terreno, viu se os outros eram quezilentos, confirmou que não, que havia comida e segurança, e na noite de sexta foi buscar os filhotes. É uma doçura! Um branco, um preto, um Silvestre, preto e branco e uma... tal e qual um bengali. É ver-me a olhar e a babar - até o Victor olha e baba. Linda, linda (presumo que seja uma menina).

 

Ainda não subiram - eu já afinei a pontaria e já consigo atirar comida para lá - a mãe vai a correr, dá uma ou outra dentadinha para as crias verem onde caiu e deixa-as comer. Um dia destes vão perceber que cá em cima comem mais e hão-de subir.

 

Mas é incrível, a pesquisa de campo que a Azul (ficou com este nome e já responde por ele) fez!  E eu agora coloquei a rede para as moscas e mosquitos pelo que a janela fica aberta e volta e meia vou lá olho digo olá Azul!, ela olha para mim, olha para baixo para o quintal onde estão os filhotes e olha outra vez para mim com um orgulho! Parece que diz: vês, tia? Fui eu que fiz!

 

Os gatos são uns bichos muito especiais!

 

 - mas mantenho que os gatos também conseguem ser muito estúpidos - como toda a gente, de resto... toda a classe de animais...

 

5 comentários

Comentar post

Sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

A ler agora

heartf.JPG

 

Arquivo

    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D

Sigam-me aqui:

Bloglovin.JPG

 

Instagramem-me:

Aqui e agora