Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Porque Eu Posso

... e 'mái nada!

Porque Eu Posso

... e 'mái nada!

"Mais depressa se apanha um mentiroso que um coxo" (proverbio popular)

18.07.14 | Fátima Bento

Bom eu ontem escrevi no post anterior que (...)eu tenho pancada por aniversários(...). E tenho. Pelos meus e pelos dos outros. Mas, como ides ver, a coisa não parece ser bem assim quando me esqueço de assinalar aqui no tasco que o meu gajinho fez 18 anos na quarta-feira.

DEZOITO, gente!

E é nesta altura em que é suposto dizer que

parece que foi ontem/não há-de uma pessoa estar velha

/para nós serão sempre pequeninos/nem consigo acreditar,

e coiso e tal...

Pois meus amores e minhas amoras: O TANAS!

 

- não, não parece que foi ontem não senhora [graças aos céus, não me faltava mais nada que passar pelo puerpério outra vez (e com a perimenopausa a morder-me os tornozelos ao mesmo tempo...)]

- velha é a tia. Ou a avó. Ou melhor ainda, os trapos (bingo!)

- sempre pequeninos C'UM TAMANHÃO DAQUELES?? Eu só vejo mal ao perto...

- ai consigo acreditar, consigo! Tem sido um longo caminho... (n'é gajo?)

 

Por isso, agora qu'o mê pikeno já pode votar, tirar a carta (se arranjar guito, que por estas bandas não abunda), e ser o seu próprio encarregado de educação [perguntava-me ontem a madrinha - então como é ter mais um maior de idade? Resposta aqui da mãe: só começo a ter essa noção quando ele for o próprio E.E. (i.e., eu deixar de ter de andar pendurada nas escolas, nos professores, nos DT's e nos diretores...)]

Mas pronto, é um facto que os meus dois rebentos são maiores de idade.

É um facto que mais uns aninhos e estou a entrar nos cinquenta (valhamosantinho, respira, mulher, respira...)

E é um facto que nunca me senti tão bem e tranquila - não à falta de problemas, que os há, mas na forma como os encaro.

Por isso venham mais cinco, mais outros cinco e mais uns quantos em bouquets de cinco, de uma assentada que eu pago já (ou era bebo, ó Zeca?)

 

- não isto não é ainda o alemão, lol...

(os dois, em Londres, Maio 2013)