Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

... e 'mái nada!

... e 'mái nada!

Momento "lágrima no canto do olho" do dia, e porque não há ninguém na corrida que provoque esta emoção?

 (vejam isto em full screen)

 

Já aqui disse que isto este ano não é para ganhar. Mesmo. No entanto poderia haver qualquer coisa que nos desse um arrepio, um frio na barriga, uma canção que pensássemos olha que bem que ficava naquele palco... lamentavelmente, a provocar estas emoções, não há nada.

 

Previsões? Com o Diogo fora na corrida, aposto as minhas fichas todas no Janeiro, porque me enternece de alguma forma, e é tranquila e calma. As fichas todinhas. Se ganhar qualquer outra, vou sentir-me francamente desconfortável... este festival pautou-se por uma imensa falta de qualidade - será que os compositores este ano entraram em pânico quando foram convidados? A imagem que se cria quando fecho os olhos, é cada um dentro de um carrinho de choque de feira, às voltas, sem saber se avança, se recua, nem se vira à direita ou à esquerda... bem sei - ou calculo - que isto do festival seja um campo tão aberto que deixa qualquer um sem balizas. Mas eles só têm de ser fiéis a si, e esquecer o barulho das luzes (que esqueceram praticamente todos, ao menos isso) e darem o seu melhor.

Recuso-me a acreditar que num país onde se faz música tão boa, só uma compositora tenha tido intuição para a canção que nos trouxe aqui...

 

Ok, em Lisboa estamos à espera do que virá de Guimarães... e do resto da Europa - e arredores...

2 comentários

Comentar post