Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Porque Eu Posso

... e 'mái nada!

Porque Eu Posso

... e 'mái nada!

19
Jun18

Nós as gordas (e a tirania do politicamente correto)

Fátima Bento

E se nos deixássemos de paninhos quentes? Sim, somos mulheres reais (mais real é difícil, se nos cortarem, sangramos). Mas não somos (obrigatoriamente) "fortes", e quando passamos o 44, garantidamente não somos cheínhas: somos gordas.

 

Há algumas coisas que me irritam, uma delas é o medo das palavras. Quando era miúda, quem morria de cancro morria "de uma doença má" - deus nos livre de alguém dizer a palavra cancro! Quando eu tinha 15 ou 16 anos tive tuberculose, andei em tratamento uns meses largos, e passou. Mas aqui d'el rei, o que eu tinha era uma mancha no pulmão. Claro que eu colocava o palavrão em cada frase que cabia... era tuberculose, porra! Mancha no pulmão era na radiografia!

 

E hoje, em 2018, há ainda um número maior de coisas que não se dizem, há ainda mais palavras que assustam, que ofendem! O que eu acho - e quem sou eu... - é que vivemos numa era de con**has que se melindram por dá cá aquela palha... há que engrossar a nossa casca, man up!, independentemente do nosso género. Irra!

 

O preto é preto.

O gay é maricas.

Eu sou gorda.

 

Façam lá o favor de encaixarem! A ginástica que é preciso para não ofender as pessoas hoje em dia... é obra! Não podemos falar de escolhas sexuais a não ser usando tecnicismos: as pessoas deixaram de conseguir rir de si próprias????

 

Gente, o Victor veste o 38, tal como o Tomás, e eu o 46. Costumo dizer que quando vamos na rua quem nos vê diz que eles estão magrinhos porque eu como tudo e não sobra nada para eles. E acho imensa piada à coisa - hão-de convir que é engraçado... imaginem a cena e coloquem-lhe a legenda...

 

De resto, a par com o medo das palavras vem o medo dos números. A pessoa está gorda. A pessoa não se pesa porque tem medo dos dígitos que vai ver. 

 

OY!!!!!!

 

Não é que o peso seja superior ou inferior, não é que fique a vestir um tamanho abaixo ou acima por saber quanto pesa! Canudo, são números!

 

princesas1.png

 (via)

 

Portanto chega de passar verniz na verdade. Somos gordas. E existem coisas de que gostamos todas, e coisas que nos são difíceis, coisas que nos são impossíveis, outras que nos são mais ou menos caraterísticas... por isso, a partir de hoje vai haver uma nova rubrica aqui no blogue que se vai chamar Nós as Gordas. Não terá dia certo, pelo menos por enquanto, mas vou já adiantar que amanhã será publicado o primeiro. E depois, o vosso feed back influenciará a sua periodicidade...

 

Haverá coisas sérias, coisas leves, coisas alegres, outras tristes... 

 

Se se sentem capazes de seguir uma verdade sem purpurinas, o caminho é por aqui. Já chega de enfeitar a realidade - porque não há necessidade. A verdade é que, vistamos o casaco do tamanho que vestirmos, por baixo somos nós. Sempre. E não é uma palavra que vai alterar a coisa. 

 

E deixem que vos diga que se não merecemos gostar de nós quer pesemos dois ou três dígitos, vou ali e já venho...

 

 

Nota: estes posts não apelam a que, mesmo que se aceite o facto de estar acima do peso ideal, a pessoa deixe de prestar atenção à saúde. Por isso, aconselho toda a gente (e não apenas as/os gordos) a ir ao médico de família pedir análises E mostrar os resultados ao mesmo. Se houver problema, siga as indicações do médico.

 

Eu tenho a sorte de estar tudo normal, mas não sou bitola para ninguém...

 

#nósasgordas

4 comentários

  • Imagem de perfil

    Fátima Bento

    19.06.18

    A obesidade deveria ser medida por uma série de factores - mas a  mais das vezes, é-o apenas pelo IMC. Eu tenho obesidade tipo 2, e no entanto o meu médico acha que sim, que devo emagrecer MAS não é o mais importante. Observando o meu caso multi disciplinarmente, as restrições alimentares são-me contra indicadas.


    De qualquer maneira, quando falo de nós as gordas, não quero discutir o que é ou não a obesidade... é mais o parar de fugir do espelho, das palavras, dos números. E tens toda a razão maricas é uma pessoa medricas, não tem nada a ver com sexualidade. Mas não quis usar nenhum termo mais pesado. Só quis passar a ideia de que as palavras são só a junção de letras, nós é que lhes colamos o peso e o significado. 


    A titulo pessoal, nem uso nenhuma das expressões - acho mais apropriado dizer que alguém é de raça negra, ou africano. E homossexual é homossexual. Não há necessidade de usar calão -mas acho que não devia ser crime de lesa majestade dizê-las. Repara, eu se estiver junto de um individuo de etnia cigana, tenho cuidado com tudo o que digo... idem para alguém africano (o que eu odeio o termo pessoa de cor...) e então quando estou com homossexuais ou do 3º género (conheço alguns ), parece que estou num campo minado!


    É difícil, e eu acho que a coisa deveria ser democratizada... chamem-me gorda, chamem lingrinhas ao meu filho, chamem o que quiserem a quem quer que seja, mas não pisem ovos!

    Mas mais importante: assumam. Assumam tudo o que tiverem de assumir, E com isso, aceitem que a única moeda que não tem cara e coroa, é falsa...
  • Imagem de perfil

    Tatiana

    19.06.18

    Quando dei o exemplo da obesidade, nem era pelo tema do texto em si, embora vá ao encontro. É mesmo pelo peso das palavras, e é claro que entendi que usaste as palavras que usaste para conseguires mostrar o que querias transmitir, e na minha opinião conseguiste a 100%!
  • Imagem de perfil

    Fátima Bento

    19.06.18

    Ainda bem 
    Obrigada!
  • Comentar:

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

    Sobre mim

    foto do autor

    Sigam-me

    Subscrever por e-mail

    A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

    ...porque outubro é quando quisermos...

    mini.JPG

     

    Pesquisar

    A ler agora

    livro yalom.png

    Arquivo

      1. 2019
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2018
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2017
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2016
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2015
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2014
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D

    Sigam-me aqui:

    Bloglovin.JPG

     

    Instagramem-me:

    Aqui e agora