Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

... e 'mái nada!

... e 'mái nada!

Presunção e água benta... haja paciência...

Não vi. Estive entretida a ver a final de snooker do UK Championship. E se não estivesse, provavelmente estaria a fazer qualquer outra coisa. Ainda assim, hoje de manhã deparei-me com isto:

 

Sem Título.jpg

 

 

Ok, antes de disparatar - como é meu hábito, que já tive de me retratar por meter o pé na boca mais de uma vez, ao disparar primeiro e perguntar depois - foi-me lida a notícia: diz que os presentes no estúdio começaram a acompanhar o fado "Lisboa Menina e Moça" com palmas, e que o fadista parou a atuação. E depois, condescendentemente, proferiu a seguinte frase: 

 

"Não é preciso dizer isto aos mais velhos, só aos mais novos. O fado é uma tradição oral... Fado, que não se acompanha a palmas, canta-se e ouve-se. Desculpem lá, mas ouvir as palmas ao mesmo tempo, lembra-me um bocado o rock. E eu não sou cantor de rock"

 

É pá, eu não sei quem foram os felizardos que tiveram a oportunidade de assistir a concertos de rock da Amália Rodrigues, que aquilo eram palmas al gusto. Mas confesso que tenho uma inveja danada.

 

Este diva de meia tigela - a quem não tiro o valor, e que gosto de ouvir - mas não iria a um espetaculo nem com bilhete oferecido, obrigada - devia, DE VEZ EM QUANDO ver realmente o reflexo que o espelho lhe devolve. E já agora, reparar que quando se corta, o sangue que corre é da mesma cor do daqueles que lhe vão aumentando a conta bancária, e que ontem - ó sacrilégio!!!! - acompanharam um fado lindo e alegre com... palmas.

 

Mas quem é Amália Rodrigues ao pé de um Carlos do Carmo, hm?

 

Pergunto?

14 comentários

Comentar post