Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Porque Eu Posso

... e 'mái nada!

Porque Eu Posso

... e 'mái nada!

Se querem saber, eu conto

22.05.14 | Fátima Bento | ver comentários (2)
Maio começou como um mês-centrifugadora-aspirador. Daqueles em que acontece de tudo a uma velocidade estonteante. E depois a centrifugadora avaria. E dás por ti assim num fundo escuro, em que o chão de rocha se sente como se fora de penas e só pensas deixem-me ficar (...)

Hoje, acordei.

27.03.14 | Fátima Bento | ver comentários (8)
Hoje a cama tornou-se incómoda a horas nada habituais. Virei-me, pus-me em todas as posições... o pensamento ia-me dando cotoveladas e eu ia-o empurrando 'para lá'. Até que desisti. [Não sei se conhecem aquela sensação de passar um dia inteirinho com uma roupa dois (...)

Fiquem bem e tenham um super fim-de semana.

15.03.14 | Fátima Bento | comentar
... e é que tudo acontece por uma razão, e não acredito em exceções, da mesma maneira que não acredito em coincidências - e como já disse há uns quantos posts atrás, não acredito em muita coisa... A todos, ninguém consegue escapar, na vida acontecem coisas que (...)

Dream

13.03.14 | Fátima Bento | ver comentários (2)
Senti uma coisa sobre a zona-da-anca-ao-sovaco, e pensei, bolas, já não basta estar aqui toda encolhida dentro do carrinho só faltava esta parva me saltar (...)