Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

... e 'mái nada!

... e 'mái nada!

Muito contente com o resultado

  Gostei mesmo que tivesse ganho, foi o filme que me trouxe mais ternura, a vontade de acreditar que os finais felizes são possíveis.   Do resto... a abertura foi boa: isto de não ter apresentador não pesou, porque abriram com os Queen (sou só eu que fico mesmo à beirinha de uma apoplexia quando vejo o Adam Lambert a ocupar o lugar do Fredie?), depois foi seguindo bem, só me custou mesmo o prémio de melhor atriz não ter ido para Glenn Close,   Se formos a ver, no meio (...)

Óscares - Roma: que alguém me explique!

  Bommmm... eu tinha dito que já tinha visto os filmes todos a Óscar,mas era mentira: faltava o Roma. Acabei de o ver. Tem uma cinematografia fantástica, mas se alguém me explicar porque é que é favorito ao Óscar, agradeço.   E não estou a ser irónica, estou mesmo a falar a sério! Não percebo, juro!   "(...) is a drama named after the central Mexico City neighborhood where the acclaimed film maker grew up: Colonia Roma."   Boa, finalmente pelo menos entendi o porquê do (...)

Fui ver Vice...

(acreditam que é o mesmo? Nossa senhora...)   E dou por concluída a tarefa: já vi todos os filmes candidatos ao Óscar. A ver se na próxima semana faço uma pequena critica por dia, e um post sobre as mnhas apostas.   Não será fácil, este ano há filmes muito bons a concurso. E há alguns que eu juro não fazer ideia de porque é que ali estão!   Atrizes, principais e secundárias, atores igualmente: todos muito bem nomeados.   Se acho que faltam ali filmes? Acho. Houve (...)

Ganhou, caramba!

Bom, eu estou fora de mim. Acordei a casa toda - diacho, acordei o prédio todo!, fui atacada por uma gata, saltei, pulei, chorei... chorei(?!?) - o que é possível gostar de um filme, senhores...   Ah, caramba, que eu receava pela vitória de Three billboards outside Ebbing Missouri, e (muito,mas muito pior) de Get out, coisa que (só) me passou pela cabeça depois da entrega dos Spirit Awards... mas ganhou a fantasia, o love conquers all, num dos mais belos filmes do ano.     The Shape of Water (...)

As minhas apostas

  Para 90ª Cerimónia de Entrega dos Óscares as minhas apostas são...   Melhor filme Vai ganhar: The Shape Of Water Pode ganhar: Three billboards outside Ebbing Missouri   Melhor ator Vai ganhar: Gary Oldman (Darkest Hour) Pode ganhar: Daniel Day-Lewis (Phantom Thread) Poderia ganhar: Timothée Chalamet (Call me by your name)   Melhor atriz Vai ganhar: Frances MacDormand (Three billboards outside Ebbing, Missouri) Pode ganhar: Sally Hawkins (The Shapeof Water)   Melhor ator (...)

A Forma da água - corrida aos Óscares #6

  A filmografia de Guillermo Del Toro é povoada por monstros, os seus monstros, como se lhes refere. E em todos os seus filmes ele mostra o monstro e lida com este como sendo o outro, com uma entidade própria e exterior à sua enquanto realizador - e pessoa.   Em A forma da água, Guillermo dá o salto e atinge um breaktrough: no filme o monstro  é apresentado de dentro para fora, é interiorizado de uma forma completa e comovente por parte do realizador. Talvez também por isso, (...)

A Linha fantasma - Corrida aos Óscares #5

  Este filme tresanda a cinema europeu, o que é bom, mais não fora pelo refrescante que é estar fora da caixa.   Reynolds Woodcock é um costureiro famoso, que passa a sua vida rodeado de mulheres; a irmã, com quem fundou a House of Woodcock, as clientes, a nata das natas europeia, e as musas que lhe inspiram o trabalho e lhe animam os dias, quando tal lhe parece de feição, e se fazem silenciosas e invisíveis quando ele tal exige, para serem descartadas e (...)