Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

... e 'mái nada!

... e 'mái nada!

Vinte e quatro quilates

Há quase cinco anos atrás, a 2 de Fevereiro de 2014, fui à (na altura) Meo Arena ver Michael Bublé ao vivo pela primeira vez. Se quiserem podem ler o que escrevi aqui, qual fã deslumbrada e apatetada com o profissionalismo, o carisma, o tudo de Bublé.   E este ano regressei, com mais uns quantos concertos de jazz vistos, não tão virgem tonta como em 2014. E sem saber o que (...)