Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

... e 'mái nada!

... e 'mái nada!

Carta fechada (repost)

Desafio caixa de lápis de cor

  Casara de branco com toda a simbologia inerente. Eram brancos os lençóis de algodão, com cabeção e fronhas bordadas com o seu novo monograma, agulha empunhada com esmero, para que o homem que a tinha escolhido e fora falar com o seu pai das suas boas intenções - casamento e sustento garantido, sem grandes luxos, mas o parco rendimento certinho - não se arrependesse da escolha que fizera.    Assustava-a a perspetiva da noite, daquela, a primeira noite, e envergonhada (...)

Branco hors concours*

Brainstorming da cor branco

  Eis-nos chegados à (desta vez juro que é mesmo) última semana deste desafio caixa de lápis de cor. Já estão com saudades? Não estejam que não vamos ficar por aqui (como aliás já sabem). E é a semana do branco.   Há muitos anos atrás, no curso de design de moda que tirei, tinha uma disciplina de seu nome psicodinâmica da cor, e houve um dia que fizemos algo parecido com o que fazemos aqui às quintas:  tínhamos de escrever a primeira coisa que nos ocorria quando (...)

Ahoy, GrupoDosLápiDeCor!

O que se vai passar a seguir? Ponto prévio

  E não é que estamos praticamente no cair do pano sobre este primeiro desafio? Mas ainda falta aquela semana extra, a daquele lápis de cor que não estava na caixa e faz tanto sentido: o branco.   Portanto não se esqueçam que amanhã é para estarem aqui para o brainstorming do branco!   E depois... depois temos a hipótese de fazer, ou não uma pausa. Eu sugeria uma semana, em que a quarta feira serviria para quem quisesse parar e avaliar o que foi este primeiro desafio. E depois começaríamos (...)

Reguila

Desafio caixa dos lápis de cor

  Acordo e olho para os meus pés, a ver se cresceram durante a noite. E digam lá, se os pés tivessem crescido, eu também seria maior no corpo todo, já que os pés não crescem sozinhos não é? É que nem vos passa pela cabeça o quanto eu quero ser crescido, grande como o meu pai, assim valente, bater-me pelos meus filhos e defendê-los com a minha vida se preciso for - a minha mãe diz que eu sou um bocadinho dramático, mas tenho a certeza toda, todinha, que se fosse preciso o (...)

Castanho escuro e rico

Brainstorming da cor castanho escuro

  Esta semana é a semana do castanho. Mas antes de começar a debitar ideias sobre a cor, e dado que é a  última cor da nossa caixa de lápis,  quero fazer uma sugestão/desafio: há uma cor de que sinto falta aqui na caixa, e que não podia lá estar - a Viarco não fazia lápis que os meninos não usariam, e prontx... é uma cor incontornável, o resultado das outras cores todas juntas.   É o branco.   Então eu quero perguntar se vocês estão pelos ajustes de seguir com o branco, em mais uma semana de desafio da caixa de lápis de cor. Estão?

Homenagem

Desafio caixa de lápis de cor

  Ela queria morangos vermelhos, com certeza, ela adorava os pequenos frutos adocicados, e ele ia levar-lhos arranjados, dispostos numa bonita taça, enfeitá-los-ia com uma chiffonade de manjericão, fina como fios de cabelo, e ela ia adorar.    Tendo pegado na embalagem com morangos - tão vibrantes, tão bonitos! - dirigiu-se à caixa para efetuar o pagamento. Continuou a repetir para si que ela ia ficar tão contente quando os visse, num tabuleiro com o individual de algodão, as (...)

Vermelho bate-bate-coração

Brainstorming da cor vermelho

  Semana onze, meus amores, semana onze! E não é que o tempo passa a correr? Eis-nos chegados ao vermelho, cor...   da maçã da branca de neve;dos morangos;da melancia;das cerejas...  E já chega de fruta. O vermelho remete-nos para   a raiva, a fúria;o alegado temperamento quente das ruivas;a sensualidade;a prostituição (red lantern district)...  Mais coisas que me ocorrem   os números dos relógio-despertadores de há uns anos atrás;os vestidos das sevilhanas;o verniz de (...)

Real

Desafio caixa de lápis de cor

  Mal terminou o sexto ano, ouviu o pai dizer que não ia continuar a estudar porque tinha de ajudar nas despesas da casa. Não adiantou o professor ir até à sua casa a seguir à missa; naquele domingo o pai escutara-o, e dissera-lhe que Conceição tinha que se fazer uma mulher, não eram os estudos que lhe iam encher a barriga. O professor ouviu e ainda olhou para a mãe da rapariga, em busca de algum sinal de compreensão, mas Maria Anunciada não tirou os olhos do chão durante (...)