Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

... e 'mái nada!

... e 'mái nada!

Aquelas alturas em que nos acontece tudo

  Tenho estado, como disse antes, soterrada por chatices e problemas de saúde. Mesmo mesmo à beirinha do burn out. No inicio do mês, estilhacei-me. Peguei nos pedaços, e fiz-me à estrada: tirei uns dias para recuperar, num espaço onde há bastante tempo queria ir. Infelizmente, foi pouco tempo, mas vim de lá mais inteira, a grande maioria dos pedaços colados, e tudo e tudo.   Nas o meu sistema imunitário mandou-me dar uma curva, e neste momento apanho muita coisa. Estou a ser (...)

Fait divers#11 - sem vontade nenhuma...

Ando sem vontade para escrever. Pode ser da constipação que não me larga há uma semana   (e não era de esperar melhoras hoje, se tivermos em linha de conta que na quinta fui para Lisboa, e o tempo estava como tem estado, para uma das duas sessões semanais, e o tempo estava como tem estado, sexta tive uma comemoração de aniversário, e o tempo estava como tem estado, e sábado fui para a Luz, e o tempo estava como tem estado... e ontem não chegou para me fazer arribar)   e (...)

Ó Primavera, não era preciso incomodares-te!

A caminho das duas da matina pousei o livro, cansada que estou, e num desatino com nome, que dispensava. O raio dos pólens atiçaram-me as alergias, acordando-me a sinusite com o frio que apanhei na paragem do autocarro quando cheguei de Lisboa (espero bem que o Rocinante na quinta-feira já esteja de volta, ou ainda acabo por cancelar a sessão), completaram o ramalhete. Pronto, estou doente.   Apaguei a luz, ajeitei o corpo ao colchão, a cabeça à almofada, mas a febre, raismaparta, (...)