Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

... e 'mái nada!

... e 'mái nada!

Portugal, o eurofestival, e eu... breve história da coisa...

Ontem quem viu esta abertura e não ficou arrepiado e/ou com a lágrima no canto do olho, é um ovo podre!     Começámos nestas lides europeias em 1964, ainda eu não tinha nascido, com António Calvário e a sua Oração - canção em que um gajo que tinha arreado na mulher pedia perdão a Deus por tê-lo feito (podem ver a atuação aqui), pelo que entrámos com o pé direito #sóquenão.   A primeira canção qu (...)

A minha cidade, os meus momentos

Ontem ia no comboio a ler o livro do momento "Les fabuleuses tribulations de Arthur Pepper"* , e quando dei por mim estava no tabuleiro da ponte. O sol brilhava e o rio estava sumptuoso como sempre. Pousei o reader e aproveitei para olhar o panorama. Sim, passo lá muitas vezes: por semana são duas de comboio e de vez em quando ao volante, ou de pendura, e não me canso com aquela imensidão de azul nos dias de sol, ou naquele verde escuro quando o céu está carregado...   (crédito imagem (...)

Do you speak... (a hora da verdade)

... pois que sim, que foi mesmo   ... PORTUGUESE!!!!   Eu garanto que tenho cara e ar de portuguesa. Cha-pa-di-nha!                                                               (foto Luciano Canelas, 2011)   E sim, também há portugueses obesos, não são só os americanos e os ingleses.   WTF?   Queriam saber onde podiam comprar títulos de transporte para o autocarro... eu podia ser de Marte, que não sabia responder. Barco, Metro, comboio (...)

Do you speak...

Hoje estive de tarde no Cais do Sodré, comi um gelado de passas e rum - nem só de dieta vive a menina - e senti o sol, saboreei o rio.  Eu disse que ia ser um dia bom... e foi!     Agora, vocês não imaginam... fui abordada por um casal que me perguntou "do you speak..." adivinhem que língua? Vá lá, façam uma tentativa. Eu prometo que amanhã às 14h a resposta é publicada.     A sério, esta eu juro que não esperava!  

E o lugar escolhido para o Eurofestival 2018 é...

Ao que tudo indica, daqui a poucas horas vai ser anunciado na RTP que o espaço onde terá lugar o Eurofestival 2018, entre Abril e Maio (última e primeira semanas), espaço esse que, contra todas as expetativas, será, de facto a Meo Arena. E era pequena, e era cara e... e... e vai ser aqui em Lisboa!     Mas atendendo ao tamanho da arena, vou ver de casa, que aquela coisa vai ser só com convite...  

... e é já amanhã!

... que as famílias se vão reunir `volta do bacalhau, ou do peru, ou do cabrito, e devorar os fritos do costume, o bolo rei, trocar prendas...   Quem ainda não entendeu, pelo desapessoado inicio deste post, a verdade é que nem me apetece falar muito do assunto... digamos que o pai Natal este ano me deixaria sacadas de carvão na chaminé se soubesse o danadinha que estou para falar da experiência 2016 da "Tradição de Natal do casal Bento", moi e o hubby, e que consiste em ir ver (...)

Tanto onde havia tão pouco

Quando eu era muito pequenina (juro, tipo dois anos, três), e andava tipo bonequinha com a mãe, vestidinho rodado, curtinho, totós e laçarotes de seda nos mesmos, soquetes rendadas e sapatinhos de furinhos (a que chamavam sandálias), íamos muito ao Chiado. Descíamos a Rua Garret e invariavelmente entrávamos nos Grandes Armazéns do Chiado, em cuja entrada principal - hoje entrada do centro comercial - havia um reposteiro de veludo imenso, daquele grenat-pano-de-palco, e um (...)