Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Porque Eu Posso

... e 'mái nada!

Porque Eu Posso

... e 'mái nada!

30
Set18

Post mimimi das 7:32h

Fátima Bento

Ai meus amores, aturem-me lá um bocadinho,que isto já passa (mas passa mesmo, não sou eu a a armar-me em valente...)

 

relógio.jpg

 

Acordei, pouco passava das 7:00h, com a ressaca antecipada de que hoje não ia ao cinema. É impressionante, o hábito de irmos ao cinema ao domingo é recente, mas eu já o enraizei de tal modo que a imprevisibilidade de um dia em que não sei o que vou fazer, mas sei que não é o habitual, me deixa a sentir à deriva.... e se vocês seguem a conta de Instagram sabem que eu não tenho razões de queixa, se há espaço que tenho frequentado, é esse!

 

Mas intelectualizando um pouco o que estou a sentir - vício que me vem de antes de fazer psicoterapia, mas que se refinou entretanto, e que se pauta por ter de dar uma explicação mais ou menos obviamente lógica a tudo - sei que esta inquietação não advém da quebra daquilo que já se tornou uma quase rotina para mim; é mais um reflexo da turbulência que vai aqui dentro com a aproximação do meu aniversário (48 horas and counting...).

 

Este ano não estou particularmente eufórica com o dia (não gosto do número, 51 é mnhé, enquanto que 52, por exemplo já é um número mais apresentável - e sim, eu bem sei que sou estranha), e decidi fazer uma coisa simples, ir almoçar a um restaurante de que gostamos, a três. Sem bolo (bom, já não tenho um bolo de aniversário há uns anos - e eu gosto tanto de bolo de aniversário...) sem velas nem parabéns.

 

Mas o chato, o mesmo chato, é que o cérebro, esse querido (#sóquenão) faz - ainda que em background - sempre, uma retrospetiva. E como é mesmo fofinho (#sóquenão), não se limita a fazer uma do último ano: vai recuando, recuando, até que nos começamos a sentir realmente desconfortáveis e não sabemos bem porquê...

 

De forma que se instala uma inquietação inexplicável, que nos corre nas veias, não nos deixa estar relaxados - e cada vez menos com a aproximação da data. É o não ter posição de estar no sofá quando estamos ver um filme na tv, é o adormecer tarde e o acordar cedíssimo porque a caixinha dos pirulitos não descansa.

 

E então vem aquela vontade de ir a correr enfiar-me numa sala de cinema porque naquelas duas horas é só o écran negro e eu, que me limito a ser a espetadora da vida alheia. A minha fica em compasso de espera. 

 

Para seguir, inevitavelmente, dentro de momentos...

 

27
Jul18

Assim de repente...

Fátima Bento

... a primeira coisa que me ocorre em relação à questão desta semana,

S30.JPG

 ... são queixinhas.

 

Há pessoas que, como diz o meu terapeuta, se lhes tirarmos os mimimis, ficam só as rodas e o volante. Queixam-se que ninguém se preocupa com elas e passam o tempo todo sozinhas, menos de cinco minutos depois de a porta fechar atrás de uma amiga. Que lhes dói isto ou aquilo, e deve ser qualquer coisa, não sei o que será. É uma dor, a mais das vezes provocada pela ansiedade de quem analisa o corpo dos pés à cabeça à procura de desconfortos...

 

Certo, a maioria das vezes é solidão - e tantas vezes daquela que nem uma multidão colmata. Mas se moem as pessoas que desejam perto com tantas queixas e tantos coitadismos, cada vez mais essas pessoas vão dar um passo atrás. Ou dois. Ou meia dúzia.

 

Também me aborrecem as pessoas que se está sol, ai, se está enevoado, ai, se está de chuva, ai... se não come tem fome, se come fica mal disposta... cruzes, para algumas pessoas viver é incómodo à brava!

 

- e não estou a falar de pessoas com patologias mentais; só mesmo de pessoas pica-miolos. Eishhhh!!!!

08
Fev17

Fait divers #5 - post mimimi

Fátima Bento

Para quem não sabe, na segunda-feira tive uma consulta de urgência. Esta descida aos infernos está a demorar demasiado tempo, dói excessivamente e está a tornar-se realmente insuportável. E vai daí fui a correr para o terapeuta, a ver se punha uma rolha nos sacos lacrimais, que a desidratação já estava a ir além do aceitável.

E embora aquela sessão pudesse substituir a de hoje, nope, foi suplementar, hoje lá estarei. 

 

Foi por isso que na segunda publiquei tão tarde as regras do passatempo... não estava muito capaz de organizar, pôr ordem e prespetiva. Mas cheguei lá.

 

Quanto ao concurso, devo dizer (e isto é capaz de ser um nadinha de neurose) que apesar de faltarem 20 dias, a verdade é que ainda estamos looooonge de poder sortear UM kit.

 

Isto faz-me lembrar quando era miúda e adolescente, quando fazia anos e fazia os convites. Ia para a sala (cheguei a ter uma sala emprestada, numa casa na altura, vaga), esperava, e passadas duas horas vinha-me embora; não aparecera ninguém. 

A situação foi recorrente anos a fio. Só tive uma festa onde apareceu a maioria das pessoas que convidei: aos 16 anos. E não tenho recordações assim tão boas, digo já. Ráspartáshomonas, aquilo não foi uma festa de anos, foi uma festa de ímanes, e eu permanentemente em pânico de que a minha mãe abrisse a porta e desatasse correr com toda a gente ao pontapé e de bíblia na mão. Um sufoco! Ainda tive direito a um beijo do "gajo mais bonito do mundo e arredores" (para uma gaiata de 16 anos que tinha as hormonas em colete de forças trancadas na cave) mas foi mesmo só para este ver se valia a ena repetir. O polegar ficou virado para baixo.

 

Adoro fazer anos até hoje, mas essa festa - a única que e lembro ter existido, presumo que desisti a partir daí, só voltando a comemorar o aniversário quando já estava a viver sozinha - ficou marcada. E não pela positiva... ]

 

Ou seja: participem, difundam, contem aos amigos, aos vizinhos, ao pai, à mãe, ao gato, ao cão, canário e ao periquito... que ainda nos arriscamos a não sortear um que seja! E no FB até estou a pagar uma anúncio para difusão do passatempo...

 

Isto há fases,que valha-me deus!

 

E é que eu nem quero os livros para mim, são duplicados, já tenho todos! Estes EU COMPREI para sortear.

 

Às vezes tenho umas crises de burrice de dar dó...

9cb069e7fe171bc6f8ce60f4441050d0.jpg

(imagem daqui)

Sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

mini.JPG

 

Pesquisar

A ler agora

LaIslaPortafda.jpeg

Arquivo

    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D

Sigam-me aqui:

Bloglovin.JPG

 

Instagramem-me:

Aqui e agora